“I wanna paint…”

Este deve ser, com toda a certeza, o pedido que mais nos faz. Todos dias, sem excepção, pede para pintar, esta personalidade arco-íris tinha de ser baseada em alguma coisa 😉

Tentamos oferecer sempre diferentes materiais para pintar, por vezes são os lápis de cor, outras vezes os marcadores, outras vezes os lápis de cera, mas, quer queiramos ou não, ela adora tintas! Adora pintar o corpo dela, sujar-se, pintar com as mãos… adora misturar as cores e fazer rabiscos.

Ontem, quando acordou, a primeira coisa que me disse foi “mummy I wanna paint”! Estava um dia de sol muito bonito e até podíamos ter ido passear, mas decidi muito rapidamente criar qualquer coisa para ela pintar na sala de brincar. Imprimi uns desenhos alusivos ao halloween e outros alusivos ao Outono e criei três “espaços” diferentes para ela pintar.

Na mesa coloquei dois desenhos do outono, umas folhas que tínhamos apanhado há dias, uns pauzinhos de madeira, coloquei pincéis e as tintas de cor vermelha, verde, amarela, laranja e castanha.

No chão coloquei os desenhos alusivos ao halloween (que ela tem passado os dias a dizer sem fazer a mínima ideia do que se trata) coloquei mais pincéis e mais tintas e estas foram escolhidas por ela, tínhamos desde prateado a roxo (que ela adora).

Depois, no cavalete coloquei os carimbos e o rolo com mais um mix de cores escolhidas por ela. Ela ajudou-me a preparar tudo e só por ver o entusiasmo dela vale a pena preparar estas coisas.

Cada vez mais a Bia participa na organização das actividades que lhe fazemos, ela já pede para fazer coisas e tentámos, sempre, que ela também faça alguma coisa para sentir que faz parte desta organização, ela fica toda satisfeita por ajudar, no que quer seja para dizer a verdade (ela vai ajudando em algumas tarefas há já algum tempo…).

Passou um bom tempo ali a pintar, mas se há algo que aprendi com isto de ser mãe foi a não criar expectativas. Ela ficou ali muito tempo mas podia ter ficado apenas 5 minutos que estava tudo bem na mesma, aliás como muitas vezes acontece. Aprendi que nem sempre eles têm o mesmo entusiasmo para as coisas, tal como não há idades ou fases para as coisas acontecerem. Aprendi a respeitar a minha filha. A ouvir o que ela tem para me dizer, a respeitar a opinião dela e a aceitar a ajuda dela. O importante é eles estarem com vontade a fazer as coisas, o que quer que seja. Mas há algum adulto que goste de fazer as coisas obrigado?! Porque raio teremos nós de educar os nossos filhos nessa onda de “faz, mesmo que não gostes ou não queiras”?!

Vou aprendendo todos os dias mais um bocadinho a ser mãe e todos os dias são diferentes.

Há uns dias, numa conversa entre amigos, disseram-me que o meu trabalho como mãe era excelente dando os parabéns por fazer o que faço sem qualquer tipo de ajuda (o marido aqui não está incluído, porque na verdade ele não ajuda, somos um casal, somos pais, fazemos os dois! Quanto mais não seja ajudamos mutuamente) trabalhando 40h/semana. Eu não sei se o meu trabalho como mãe é excelente, mas sei que sinto um orgulho enorme em ser mãe e naquilo que faço e que este é o meu maior desafio. A Bia tem uma personalidade forte e bem vincada e faz com que todo este processo seja ainda mais enriquecedor. A partir do momento que ouvimos o nosso coração de mãe, respeitamos a nossa vontade e respeitamos os nossos filhos, está tudo bem.

Ninguém disse que ia ser fácil, mas caramba isto é o melhor do Mundo.

Já agora, deixo aqui uma página que eu adoro seguir e que tem actividades óptimas para fazerem com os vossos filhos, sobrinhos, netos… a Andreia é maravilhosa e eu inspiro-me muito nas actividades dela para fazer coisinhas giras para a Bia. Vão lá espreitar: No colo da mãe

Beijinhos meus e da QueenB 😘

Leave a Reply

Fill in your details below or click an icon to log in:

WordPress.com Logo

You are commenting using your WordPress.com account. Log Out /  Change )

Google+ photo

You are commenting using your Google+ account. Log Out /  Change )

Twitter picture

You are commenting using your Twitter account. Log Out /  Change )

Facebook photo

You are commenting using your Facebook account. Log Out /  Change )

Connecting to %s